PAISAGENS DO SERIDÓ

Poço da Bonita


A Bonita é uma das comunidades que originou-se da sesmaria 406 (terras da Capitania Hereditária do Rio Grande do Norte). O alforriado Nicolau Mendes da Cruz, fez ao presidente das províncias do Rio Grande do Norte, o Sr. Tomás de Araújo Pereira uma petição solicitando posse das terras e foi atendido, tendo por objetivo desbravamento das terras do sertão seridoense utilizando-se a pecuária, petição concedida por volta de 1752, com o nome de sítio São José e localizado ao longo do rio São José, com meia légua para cada lado do rio.

Nicolau percorria todas as suas terras e orgulhava-se de um poço profundo e de águas cristalinas, onde suas filhas adoravam tomar banho, por causa de suas rochas parecendo trampolins. Um certo dia uma de suas filhas foi surpreendida tomando banho por um pescador, que encantou-se com sua beleza e passou a admirá-la, que ao notar sua presença fugiu meio ao matagal, e o pescador nunca mais vê-la passou a chamar o local onde a virgem se banhava de POÇO DA BONITA.

Com o desenvolvimento da pecuária e da cotonicultura, é instalado em 4 de novembro de 1917, o povoado então batizado de "São José da Bonita". Em 1938, o então povoado é elevado a condição de distrito pertencente ao município de Jardim do Seridó. Vinte e quatro anos depois, por força da Lei n° 2.793, de 11 de maio de 1962, desmembrou-se de Jardim do Seridó e tornou-se município com o nome de "São José do Seridó". A instalação do novo município aconteceu no dia 7 de abril de 1963.

Poço da Bonita
São José do Seridó / RN - Região do Seridó


Foto: Fernando Chiriboga
Paisagens do Seridó - OpenBrasil.org