PAISAGENS DO SERIDÓ

Pedra do Cruzeiro



A Pedra do Cruzeiro ou Pedra do Navio é uma das formações rochosas mais famosas do município de Currais Novos. Segundo Marcos Nascimento do Projeto Geoparque Seridó, a formação rochosa a qual pertece a Pedra do Navio é muito comum na região de Currais Novos e Parelhas. " Na realidade temos ali um dique (feição magmática/ígnea tabular em posição vertical- como um dique de represa, por exemplo) de pegmatito (rocha plutônica com minerais grande tamanho de cor clara). Os minerais que formam erssa rocha são feldspatos ( cor rosa a creme), quartzo ( cinza claro), plagioclásio (branco), além de biotita (verde escuro a marrom), muscovita (incolor). Esses últimos assemelham-se a escamas de peixe.Essas rohas tem em média 515 milhões de anos.

Por ser um dique, ele corta rochas preexistentes, que no local do Morro do Cruzeiro são formadas por micaxisto. Rocha de cor cinza escura formada principalmente por biotita e granada" afirma Marcos Nascimento.

O rochedo esculpido no decorrer dos anos pela ação do vento, chuva e erosão, à primeira vista parece montado manualmente, peça á peça. A geologia e a história explicam que o leito do rio São Bento passava acima das pedras e, com a erosão, as águas foram deslocando pedras menores, não conseguindo arrastar o grande bloco que, dentro do rio lembrava uma embarcação.

Sob a gigante formação está uma cruz talhada em madeira pelo mestre Oliveira, datada de 1900, trazendo o martelo, o torquês, os cravos e a coroa, símbolos da crucificação de Cristo. Anteriormente situada em frente à igreja Matriz, marcando passagem do século XX, a cruz foi retirada por ordem do padre Ulisses Maranhão, pároco da época. e introduzida no atual local em 01 de janeiro de 1930.

Pedra do Cruzeiro
Currais Novos / RN - Região do Seridó


Foto: Getson Luís
Paisagens do Seridó - OpenBrasil.org